Empreendedorismo e Gestão Audiovisual

0
1151
Oficina de Empreendedorismo e Gestão Audiovisual - Inscrições até 18/01 (Oficinas Kinoforum de Realização Audiovisual + Spcine)

Inscreva se… (AQUI)

Estão abertas até 18 de janeiro as inscrições para a Oficina de Empreendedorismo e Gestão Audiovisual. Destinada a coletivos atuantes na cidade de São Paulo, a atividade é gratuita e acontece de forma online, a partir de 26 de janeiro.

As inscrições podem ser acessadas através do endereço kinoforum.org/oficinadomomento. Entre os critérios de seleção estão participantes de baixa renda e diversidade de origens raciais e sexuais.
A iniciativa é organizada pelas Oficinas Kinoforum de Realização Audiovisual, com patrocínio da Spcine, empresa de cinema e audiovisual de São Paulo.

A finalidade é desenvolver aprendizados sobre empreendedorismo a partir da elaboração de projetos coletivos, contribuindo assim com o aperfeiçoamento dos participantes nas mais diversas atividades da área audiovisual e para o desenvolvimento de coletivos, grupos, produtoras, distribuidoras e outras formas de organização social voltadas a esse segmento.

A oficina vai trabalhar com o conceito de plano de negócio para a disseminação de conteúdos audiovisuais em plataformas de mídias digitais e atuação no mercado de trabalho. A meta é possibilitar que os participantes se estabeleçam no mercado, capacitando-os para a gestão de empreendimentos audiovisuais.

Profissionais da área audiovisual e de empreendedorismo/gestão empresarial ministram a oficina, abordando temas essenciais à administração de empreendimentos audiovisuais e relatar como atua um gestor audiovisual. Entre os assuntos incluídos estão gestão audiovisual, planejamento estratégico, elaboração de projetos, mecanismos de financiamentos, produção executiva, gestão empresarial e financeira, marketing & distribuição audiovisual e acessibilidade no audiovisual.
Em uma segunda etapa, cada grupo/coletivo desenvolve seu projeto, sempre com o apoio da equipe de profissionais das áreas audiovisual e empreendedorismo, até sua formatação final. Nesta etapa são desenvolvidos planos de negócios voltados a disseminação do conteúdo audiovisual dos projetos para plataforma digitais.

Antecedendo as aulas, um ciclo de debates contempla temas como “Diálogos sobre o cotidiano e projetos culturais: caminhos e possibilidades”, “Empreendedorismo negro como perspectiva de futuro”, “Gleba do Pêssego: coletivo criativo, LGBT e periférico, com foco no audiovisual” e “Produção executiva de obras audiovisuais: elaboração, parcerias e prestação de contas”.

A Oficina de Empreendedorismo e Gestão Audiovisual tem entre os palestrantes confirmados nomes como Adriana Barbosa (Feira Preta), Carol Santos e Oliv Barros (coletivo Gleba do Pêssego), Deborah Osborn (Estúdio bigBonsai), JC – João Carlos (Funk TV), Jordana Braz (pós-graduada em Gestão de Projetos Culturais pelo CELACC-USP), Rosyane Silwa (Compre de Uma Mãe Preta) e Priscila Benetti (Berlin Produções Culturais).
A divulgação dos selecionados está prevista para 22 de janeiro.

Sobre os Palestrantes
Adriana Barbosa é formada em gestão de eventos com especialização em gestão cultural e idealizadora da Feira Preta, a maior feira de cultura negra da América Latina, que, em 18 anos, reuniu mais de 170 mil pessoas, movimentando cerca de R$ 5,5 milhões como resultado da venda de produtos e serviços pelos mais de 700 expositores. Recebeu a condecoração de comendadora pela Ordem de Mérito Rio Branco (Ministério de Relações Exteriores) e o Troféu Zumbi dos Palmares (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo). Em 2017 foi homenageada como um dos 51 negros com menos de 40 anos mais influentes do mundo segundo o Mipad, premiação reconhecida pela ONU.
Deborah Osborn é sócia-fundadora da bigBonsai, onde é responsável pela produção criativa dos projetos de entretenimento da produtora, com destaque para o projeto multiplataforma (documentário + websérie) “Dominguinhos”, selecionado para importantes eventos internacionais, como IDFA-Amsterdã, DOK Leipzig, Doclisboa, SXSW e Festival de Moscou. Em 2019, lançou o documentário musical “Águas Claras – O Barato de Iacanga” (disponível na Netflix), que estreou nacionalmente no festival É Tudo Verdade e foi vencedor do In-Edit Brasil, além de participação em festivais internacionais, como Womex, BAFICI e Sound & Vision.
Gleba do Pêssego é um coletivo formado por oito realizadores LGBTs vindos das diferentes periferias da região metropolitana de São Paulo. Com foco no audiovisual e assinando a direção criativa coletivamente, atuam também na criação de conteúdos digitais, nas artes, na moda e no design. Oliv Barros é diretor de arte, artista visual, figurinista, roteirista, stylist é costureiro. Já Carol Santos é produtora executiva, diretora, diretora de produção, assistente de produção e roteirista.
JC – João Carlos é diretor cinematográfico na empresa Funk TV, realizadora de vídeos dinâmicos sobre as experiências positivas dos MC’s, DJ’s, artistas e casas de shows, enfatizando a cultura, o trabalho e outras questões. É managing director na empresa Adaobi Foto & Vídeo, técnico de fotografia nas Oficinas Kinoforum de Realização Audiovisual.
Jordana Braz é educadora, fotógrafa e pesquisadora, com pós-graduação em Gestão de Projetos Culturais pelo CELACC-USP – Centro de Estudos Latino Americanos sobre Cultura e Comunicação. Desde 2017 é educadora no Instituto Tomie Ohtake e uma das idealizadoras do projeto Experiências Negras. Em 2018 iniciou sua pesquisa em relações étnico-raciais na educação e práticas de mediação em arte.
Priscila Benetti é produtora executiva, tendo atuado na Globo Internacional e na realização em Toronto (Canadá) as duas primeiras edições do Brazil Film Festival, o 5th Annual Brazilfest Toronto e a 4ª Feira das Nações. Ao fundar a Berlin Gestão e Produção Cultural, atuou na elaboração, aprovação e captação de recursos de projetos incentivados de diferentes segmentos culturais, destacando o Projeto Canto das Águas (subproduto da telenovela “Velho Chico”, da TV Globo) e “Concordâncias”, voltado a formação de jovens músicos de orquestra.
Rosyane Silwa é artista, produtora cultural, jornalista freelancer na empresa Marias Mahin – Comunicação e Cultura e produtora executiva na empresa Feira Preta. É criadora do projeto “Compre de Uma Mãe Preta”, vitrine virtual organizada para divulgar e gerar visibilidade a empreendimentos de mães negras. É também produtora das Oficinas Kinoforum de Realização Audiovisual e do Centro Cultural Pompéia.

Assessoria de comunicação:
ATTi Comunicação e Ideias
Eliz Ferreira e Valéria Blanco (11) 3729.1455 / 3729.1456 / 9 9105.0441

Mais Informações: (Acesse…AQUI)

Compartilhar
Artigo anteriorAgenda da Semana-4/Jan/21
Próximo artigoSão Paulo 467 Anos in LIVES
Pedro Moreira
Idealizador do Cultura Leste, o projeto da primeira Web TV da zona leste de São Paulo, a Click Leste TV. Criador do “Festival Rock & Reggae Verão São Mateus” posteriormente chamado de “Verão Zona Leste”. Sempre com cunho Sócio/Cultural nas 6 edições do festival somando a outros eventos na região leste da cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA