Banda Obanajé

0
215
Equilíbrio e força marcam o novo lançamento da banda Obanajé. Trata-se do single Corda Bamba. A faixa frisa que o bem e mal são duas faces da mesma moeda enquanto simboliza a ancestralidade através do Orixá Exu. A música já está disponível em todas as plataformas de streaming. Equilíbrio e força marcam o novo lançamento da banda Obanajé. Trata-se do single Corda Bamba. A faixa frisa que o bem e mal são duas faces da mesma moeda enquanto simboliza a ancestralidade através do Orixá Exu. A música já está disponível em todas as plataformas de streaming.

Confira o Som da Banda

Equilíbrio e força marcam o novo lançamento da banda Obanajé. Trata-se do single Corda Bamba. A faixa frisa que o bem e mal são duas faces da mesma moeda enquanto simboliza a ancestralidade através do Orixá Exu. A música já está disponível em todas as plataformas de streaming.

Escute Corda Bamba via Spotify, Deezer ou Apple Music

As sessões de gravação ocorreram no início deste ano no estúdio Play It Again, em São Paulo (SP). O grupo contou o suporte do mestre de capoeira Cacá “Zungu” Cunha, que tocou berimbau na ocasião. 

Já a mixagem e a masterização ficaram a cargo do baixista da Obanajé, Caio Torrezan. O mesmo também assina a produção fonográfica da música.

O vocalista, guitarrista e compositor Luiz Arruda, destaca que Corda Bamba é uma faixa que contempla a musicalidade afro-brasileira enquanto dialoga com outros estilos musicais.

As influências são vastas. Admiramos nomes como Dorival Caymmi, Naná de Vasconcelos, Metá Metá, Jimi Hendrix, entre outros. Ou seja, nos inspiramos na sonoridade de raiz, obtendo toques rítmicos típicos da capoeira. Contudo, trazemos isso para uma linguagem contemporânea – fruto da nossa veia em gêneros como blues, jazz e rock. A letra, por outro lado, aborda a dualidade da vida, mostrando que o bem e o mal são duas faces da mesma moeda. Desta forma, contextualizamos a mensagem através da força do Orixá Exu”, frisou.

Arte da capa por Annye Alves

Além de Luiz e Caio, a banda ainda é formada por Tito Galembeck (percussão), Amabile Inaê (voz) e Zeferina (voz). A Obanajé é natural da capital paulista e está em atividade desde meados de 2017. Anteriormente, lançou o álbum Macumblues (2019). 

VERMELL PRESS / ASSESSORIA DE IMPRENSA
IG @vermellpress
(13) 98193-6725
vermellpress@gmail.com

Quer Saber Mais ? (Acesse…AQUI)

DEIXE UMA RESPOSTA