Kiusam lança tirinhas da Tayó

0
1262
“Tayó é potência e como ela, desejo ver outras crianças negras brasileiras da mesma forma. A opção pelo gênero textual tirinha, é pela sua eficácia em termos de comunicação direta e ágil para adultos e crianças.

Escritora apresenta novas histórias da personagem principal do premiado livro O Mundo no Black Power de Tayó.

Kiusam de Oliveira está sempre disposta a tratar questões de raça e gênero, direitos das crianças, jovens e adultos. Sempre na perspectiva inclusiva e histórica, enaltecendo os feitos negros.
Seus livros são referência quando o assunto é o empoderamento de crianças negras.

Uma das suas personagens mais conhecidas é Tayó, uma menina que valoriza seus cabelos crespos e vai ganhar novas histórias em versões de tirinhas.
thumbnail_image008Com ilustrações de Amora Moreira, as 5 novas aventuras serão disponibilizadas na internet e fazem parte da programação cultural oficial de São Paulo em fevereiro.

As primeiras cinco novas histórias de Tayó vão dar uma ideia exata das possibilidades de caminhos que a menina poderá seguir, a partir de março, será lançada uma tirinha por mês, sempre com data marcada e uma campanha efetiva a fim de criar uma expectativa pela próxima edição.

O material conta com enfoque inclusivo “Pensar e atuar na inclusão não somente de negras e negros na sociedade, mas também vivenciar, formas dignas de convívio onde as diferenças sejam celebradas, são para mim caminhos trilhados na vida”, disserta a autora, que também é Pedagoga habilitada em Deficiência Intelectual e acredita que as novas tirinhas vão além de temáticas das relações étnico-raciais.

Kiusam é autora de O Mar que banha a Ilha de Goré (Ed. Peirópolis, 2015), Omo Oba Histórias de Princesas (Ed.Mazza, 2009), O Mundo Black Power de Tayó (Ed. Peirópolis, 2013) e assina a tradução de Esconde- Esconde (De Ramón Aguirre e Yolanda Nuño).

Doutora em Educação pela USP, possui mestrado em psicologia da personalidade e desenvolvimento e habilitação em deficiência intelectual. Foi chefe de educação especial, coordenou a implementação da lei 10.639/03 e atuou na Secretaria de Cultura, tudo isso em Diadema – SP.

Também representou o Brasil no Festival Mundial de Artes Negras, no Senegal, em 2010. É iyalorixá. Ativista do movimento negro. Artista multimídia e coreógrafa, tem palestrado pelo Brasil sobre temática das relações étnico-raciais. Ministra também oficinas sobre corporiedade poética, racismo e gênero.

Está à frente do programa de rádio Povinho de Ketu – as africanidades brasileiras no ar, transmitido por rádios públicas nacionais.
Serviço:
Encontro com a escritora Kiusam de Oliveira
Lançamento das Tirinhas de Tayó
12/02 às 10hs – Fábrica de Cultura Capão Redondo (Rua Bacia de São Francisco S/n – fone: 11 58225240)
12/02 às 14h30 – Fábrica de Cultura Jardim São Luis (Rua Antônio Ramos Rosa, 651)
13/02 às 10hs – Fábrica de Cultura Brasilândia (Av. Inajar de Souza, 7001)
13/02 às 14h30 – Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha (R: Franklin do Amara, 1575 – f:11 22339270)
14/02 às 14h30 – Fábrica de Cultura Jaçanã (R: Raimundo Eduardo da Silva, 138)
15/02 às 10hs – Fábrica de Cultura Diadema (R: Vereador Gustavo Sonnewend Netto, 135 Centro)
Entrada Gratuita
Classificação Livre.