Coletivo Okan

0
448
Escolhemos trabalhar a cultura afro com base nas religiões de matriz africana, por ser um aspecto muito latente no coletivo e no meio em que vivemos. A partir disso inicia-se um estudo sobre a mitologia dos orixás, buscando reconhecer na essência dos mitos escolhidos as suas simbologias e metáforas, abrindo possibilidades de leituras, aprendizados e reflexões. Em um trabalho conjunto foram compostas imagens onde as fricções entre o material e o corpo negro dos intérpretes oferecessem as suas perspectivas sobre o mito.

Èlèyè – Mulher pássaro

Partindo da necessidade de falar de nossa ancestralidade, o Coletivo Okan de Teatro nasce à medida em que seus integrantes na sua maioria afrodescendentes, decidem falar sobre a cultura provinda do povo negro.

Através de pesquisas sobre a cultura afro, o Coletivo inicia seus trabalhos em 2017 com o intuito de dar vida a peça “Èlèyè – Mulher pássaro”, trazendo à tona nossas histórias, origens e poesias.

O Processo
Nosso processo parte do desejo de contar a história que foi marcada pelo sangue do povo negro; nossos ancestrais, que são reis, rainhas, princesas e príncipes, que foram arrancados do ventre de sua própria nação. Falar sobre uma cultura rica que se viu obrigada a migrar junto com seu povo, e que ainda hoje corre em nossas veias.

Cultura essa que é estigmatizada e estereotipada por toda uma sociedade que desde os tempos da escravidão no Brasil colônia é desumanizada e desvalorizada pelo único fato de ser de origem do povo negro.
Sinopse
“Èlèyè – Mulher pássaro”
Num povoado filhas e filhos do barro carregavam em seu sangue a herança de um povo antigo, no entanto esse legado estava adormecido entre as fissuras das histórias que não eram e não são contadas. Num sonho coletivo é revelada a necessidade de adentrar a mata. Uma mulher decide ir ao encontro do grande espírito-árvore, na mata, para que ele possa contar as histórias, que por muito tempo foram “claras
Serviço:
Dias 1 e 8/4 – 18h-Centro de Formação Cultural – Cidade Tiradentes
Dia 14/4 Instituto Pombas Urbanas – Cidade Tiradentes
Classificação| Livre
Duração| 50 minutos
Gratuito
>>Quer Saber Mais ?(Acesse…AQUI)